A inversão dos pólos está acontecendo. E rápido.

Os pólos magnéticos podem estar se invertendo mais rápido do que se esperava. O pequisador Mr. Maverick Star percebeu que o pólo norte se moveu 161 milhas em apenas 6 meses. Neste ritmo, o pólo norte estará na Sibéria em menos de dois anos. Ele prevê que, neste momento, os pólos devem sofrer uma brusca inversão, cruzando a Linha do Equador. Isso vem depois das notícias do aparecimento de buracos no campo magnético terrestre e da mudança de pistas do Aeroporto de Tampa, na Flórida, em resposta à mudança do pólo magnético.

A aceleração fica clara quando consideramos que, no início dos anos 1900, o pólo norte se deslocava a uma velocidade de 15 km/ano. Depois, em 2007, verificou-se que a velocidade era de 55 km a 60 km/ano. E, agora, parece que aumentou de novo.

Pólo norte está se movendo mais rápido.

Pólo norte está se movendo mais rápido.

Pólo sul também está se deslocando.

Pólo sul também está se deslocando.

Gráfico mostra aceleração da mudança dos pólos.

Gráfico mostra aceleração da mudança dos pólos.

Para quem não está familiarizado com o tema, o planeta terra tem dois pólos magnéticos: o pólo norte e o pólo sul. A cada 200 mil ou 300 mil anos, ocorre uma inversão das polaridades, e o pólo norte vira sul e vice-versa, bruscamente falando. Acontece que já está em tempo de uma nova inversão magnética, já que a última ocorreu há cerca de 800 mil anos.

Efeitos da inversão magnética

Efeitos da inversão magnética.

As consequências de uma nova inversão dos pólos podem ir de um tilte geral em satélites desordenando toda a vida nas cidades, migrações desnorteadas de animais, enfraquecimento do campo magnético terrestre (que é o que evita que sejamos torrados pela radiação solar) até deslocamentos continentais, tsunamis e outras hecatombes. Há quem diga que extinções anteriores podem ter sido causadas pela inversão magnética, apesar de que o Homus erectus, por exemplo, sobreviveu a isso.

Existem mapas sugerindo uma nova configuração dos continentes depois da inversão magnética.

Existem mapas sugerindo uma nova configuração dos continentes depois da inversão magnética.

Até hoje, não se identificaram as causas das inversões magnéticas, mas as teorias vão desde movimentações no núcleo terrestre até a passagem de um corpo celeste como Nibiru.

Veja, no vídeo abaixo, as explicações do pesquisador.

Coincidências sobre Elenin

O assunto Elenin deu uma esfriada. Mas, um tempo atrás, estive fazendo uma pesquisinha e achei algumas coisas interessantes que pensei em compartilhar.
Brian Marsden foi um importantíssimo astrônomo americano/britânico que morreu em 18 de novembro de 2010. Desde 1978, era o diretor do Centro de Planetas Menores da SAO localizado em Cambridge, em Massachusetts, organização oficial responsável pela coleta de dados de observação de planetas pequenos (asteróides) e cometas.
Pois bem, segundo fontes, Brian Marsden teria sido assassinado por querer revelar dados sobre a real trajetória e tamanho do cometa Elenin. A causa da morte teria sido encefalomielite aguda disseminada, doença raríssima que já teria sido usada como arma pela CIA. Fui checar se a causa procedia, mas encontrei uma confusão de informações. Na verdade, é dificílimo encontrar qualquer informação sobre a causa da morte de Brian.


Bem, essa parte está difícil de confirmar. Mas vamos às coincidências que, sim, foram confirmadas: Brian Marsden foi consultor científico do filme Impacto Profundo. Muitos já devem ter lido sobre as coincidências entre o cometa do filme e Elenin. Duas reportagens, do Washington Post e do New York Times, mostram que Elenin já era conhecido desde 1983, mas simplesmente deixaram de falar sobre ele.

Em uma carta criticando o roteiro do filme do qual foi consultor, Brian diz que é quase impossível um astrônomo independente descobrir um cometa sozinho, sem que outros também não tenham descoberto (lembram-se de como Elenin foi descoberto? Por um astrônomo amador russo):
“Então, dado ao muito improvável fato que Wolf (e não centenas de outras pessoas ao redor do mundo) tenha descoberto independentemente o cometa (…) E ninguém mais reportou nenhuma observação deste brilhante cometa ao CBAT ou aos jornais até o anúncio de Freeman um ano após a morte de Wolf?
Ele ainda fala sobre a preocupação do roteirista com Near Earth Objects e a necessidade de mais investimento nessas pesquisas:
“Rubin ainda se preocupa profundamente sobre a causa NEO e espera que o aparecimento de “Impacto Profundo” promova uma oportunidade ideal para ganhar apoio para programas de pesquisa NEO ao redor do mundo. Ele está feliz por fazer estes pensamentos serem conhecidos. Quanto a mim, eu achei que a melhor parte do filme foram a aterrissagem e atividades no núcleo do cometa – apesar da súbita liberação de gás exatamente no amanhecer local. De qualquer forma, como nós sabíamos do tamanho e rotação do cometa com tanta precisão?”
Você pode ler esta carta aqui.
Em 1998, Brian Marsden causou um rebuliço na mídia ao dizer que o asteróide 1997 XF11 iria colidir com a Terra em 2028. Ele teve que desmentir horas mais tarde. Depois disso, a NASA orientou aos astrônomos para não soar um alarme como esse de novo, mas que se comunicassem entre si. Isso foi no ano de lançamento de Impacto Profundo.

NASA não nega existência do Planeta X e se atrapalha

Na recente conferência do dia 29 de setembro, que teve como tema a atualização sobre asteróides próximos da Terra, um espectador faz uma pergunta por telefone sobre o Planeta X.

Depois de vários olhares mútuos entre os entrevistados, vem a resposta, que deixou mais dúvidas do que esclareceu. Para mim, é quase uma confirmação da existência desse misterioso planeta. Veja no vídeo a partir de 4’12”. A tradução está abaixo.

Sim. Aqui é Amy Mainzer e eu fico feliz em responder, o Planeta X não está vindo para nós! Então… mas estamos procurando para ver se há quaisquer outros corpos, na parte exterior do sistema solar com os dados WISE.
Este é um projeto natural para WISE e então nós ainda estamos trabalhando. É óbvio que retornou uma enorme quantidade de dados do telescópio e nós vamos levar muito tempo para pesquisar, mas os resultados iniciais são muito promissores, você pode ter visto os primeiros resultados, onde nós descobrimos uma nova classe de tipo muito bacana de estrelas, com o WISE.
Mas a busca continua. Nós não achamos que existe qualquer coisa perigosa no sistema solar exterior. Pensamos que isto é apenas uma espécie…hã… Se existe algo lá fora, poderia ser um grande corpo em uma órbita aproximadamente circular.

Curtinhas

Está circulando por aí:

– Os fundos para subsidiar a Grécia, na verdade, estariam vindo do FED.

– Mundo afora, pessoas e empresas estariam se livrando de ações e commodities.

– Governos francês e alemão teriam autorizado a reimpressão de francos franceses e marcos alemães, para um eventual colapso da UE.

– A mídia americana é totalmente controlada e financiada por instituições bancárias.

– Desemprego nos EUA está com a taxa muito mais do alta que o oficialmente divulgado.

– Depois de ocupar Wall Street, o povo americano pensa em fechar a FOX News.

– FED estaria deixando de existir.

– Moeda será lastreada em ouro, prata e commodities.

– Marines estariam indo apoiar a manifestação em Wall Street.

– Em maio deste ano Utah começou a aceitar o ouro e a prata como moeda legal (o que havia sido proibido por Roosevelt durante a Grande Depressão). Modelo a ser seguido por muitos outros estados, que, assim, praticamente declaram sua independência em relação ao Federal Reserve.

– Existe muita gente comprometida com a desejada mudança na Casa Branca, CIA, Pentágono.

– Elenin provocou terremotos? No cenário social, político e econômico, parece que sim!!

Agradecimentos ao Antonio Carlos.

Algo de podre no reino da Espanha?

Bem sabemos que ontem, 27 de setembro, não houve nenhum terremoto catastrófico em decorrência do alinhamento do cometa Elenin com o Sol e a Terra.

Entretanto, algo que merece muita atenção são os pequenos terremotos que vêm ocorrendo nas Ilhas Canárias, em El Hierro. A ilha está em alerta amarelo devido a milhares de movimentos sísmicos nas últimas semanas, que podem indicar início de atividade vulcânica. Muitas pessoas já foram retiradas de suas casas, veja aqui.

O que pode ocorrer caso um vulcão entre em erupção nas Ilhas Canárias? Bem, há estudos que indicam que uma grande porção de terra pode ser lançada ao mar, provocando tsunamis que chegariam até o nordeste brasileiro.

O fato é que só ontem e hoje já houve 51 terremotos, até agora. Ou seja, a atividade sísmica na região está aumentando. E o que mais surpreende é saber que o USGS (agência federal americana que monitora os sismos globalmente) não está reportando tais movimentos. Entretando, o Centro Sismológico Euro-Mediterrâneo, bem como o Instituto Geográfico Nacional da Espanha, estão sim publicando estes dados. Veja aqui.

 

Argentina: homem que disse ter visto “bola de fogo” é detido

Fonte: Terra
 A explosão ocorreu na cidade de Esteban Echeverría e até agora não teve sua origem determinada. Foto: AP
A explosão ocorreu na cidade de Esteban Echeverría e até agora não teve sua origem determinada
Foto: AP
A polícia argentina deteve o homem que difundiu uma fotografia de um suposto cometa que teria caído na localidade de Esteban Echevarría provocando uma morte e deixando oito feridos na madrugada passada. O homem, acusado de falso testemunho, admitiu que mentiu ao dizer que tinha visto uma “bola de fogo” caindo no local do acidente.

Os investigadores encontraram um tubo de gás de 45 kg instalado incorretamente em um forno utilizado para fazer pizzas. A perícia preliminar indicou que esta improvisação, sem o controle dos órgãos de verificação adequados, produziu um vazamento de gás que causou a explosão.

Duas casas, uma loja e três carros foram destruídos pela explosão. A peruana Silvia Espinoza, 43 anos, que tinha viajado à Argentina para visitar seus parentes, morreu na explosão. Pelo menos dois dos feridos já receberam alta, os outros seguem internados em um hospital próximo.

E o cometa Elenin?

O cometa Elenin teria começado a ser visível pelas lentes do SOHO no dia 23 de setembro. Vamos ver, então, o que está sendo dito sobre ele.

Leonid Elenin (o descobridor do cometa)

  • O cometa Elenin está muito fraco nas lentes do SOHO. Por isso, Leonid afirma que o cometa realmente teria se desintegrado em vários pedaços bem pequenos.
  • A partir de outubro, telescópios terrestres poderão visualizá-lo melhor.
  • Há vários vídeos com imagens do SOHO surgindo na internet, que estariam apontando Elenin, mas os pontos suspeitos, na verdade, seriam estrelas, planetas, poeira na lente etc. Ou até mesmo outro cometa, o Honda.
  • Muitas pessoas estão criticando a conduta de Leonid Elenin, que está colocando suas suposições como fatos, apesar de tudo estar ainda incerto. Só teremos confirmação sobre a desintegração do cometa em meados de outubro, quando ele começar a ser visível pelos grandes telescópios terrestres. No entanto, Leonid não admite discussão sobre este fato.

Canal Ronieyy1 do YouTube

  • O brasileiro Ronie diz que o cometa não se desintegrou. Ele estaria conseguindo observá-lo com seu telescópio que é duas vezes melhor que o do Matiazzo (aquele que primeiramente surgiu com a teoria de que Elenin teria se desintegrado).
  • Na Austrália, também teriam sido feitas imagens de Elenin mostrando seu núcleo intacto.
  • Segundo Ronie, Elenin não é um cometa. E teremos a confirmação disso dentro de poucos dias.

Conclusão: entre suposições de um lado e suposições de outro, prefiro aguardar até outubro para saber o que os telescópios terrestres nos revelam.