Pesquisadores da USP acreditam que desenvolveram cura do câncer, mas são impedidos de disponibilizar ao público

Medicamento desenvolvido por professor da USP já curou várias pessoas. (Fonte: Reprodução/EPTV)

Medicamento desenvolvido por professor da USP já curou várias pessoas. (Fonte: Reprodução/EPTV)

O professor da USP de São Carlos, Gilberto Orivaldo Chierice, diz ter descoberto a cura do câncer a partir de uma pesquisa iniciada há 20 anos com a fosfoetanolamina sintética.

Segundo os pesquisadores, eles tentaram a comercialização por meio de grandes farmacêuticas, mas elas exigem que eles cedam a patente do medicamento. Eles, então, ficaram com medo de elas afirmarem que o medicamento não funciona e inviabilizarem a cura. Por isso, não cederam a patente.

Já fizeram o pedido formal à ANVISA quatro vezes solicitando um hospital público para testar o medicamento, mas não foram atendidos.

Enquanto isso, pessoas que conseguiram o medicamento têm se curado com sucesso. Um dos beneficiados, inclusive, aprendeu a produzir o medicamento com o professor para distribuí-lo de graça, mas foi preso.

Por conta das dificuldades de se produzir o medicamento em larga escala no Brasil, os pesquisadores estão cogitando produzi-lo por meio de uma parceria internacional.

Saiba mais sobre esta história lendo a entrevista ou assistindo ao vídeo aqui.

10 respostas em “Pesquisadores da USP acreditam que desenvolveram cura do câncer, mas são impedidos de disponibilizar ao público

  1. Eu gostaria do contato do professor e da pessoa que conseguiu a fórmula para fins de uso do medicamento.

    • Olá, Antônio Carlos, não temos o contato, mas acredito que poderá consegui-lo falando com a USP de São Carlos.

  2. Não querem, pq tudo envolve dinheiro e quanto vão perder com essa descoberta? principalmente médicos gananciosos, que só pensam em dinheiro e não no bem estar das pessoas, por isso eles não querem q ninguém descubra nada pois os tratamentos são caríssimos e eles tem que levar uma porcentagem de cada paciente que é tratato.

    • Olá, Maria, acredito que a decisão não está nas mãos dos médicos, afinal, a maioria acredito que trabalha para o bem da humanidade. Mas vamos torcer para que esta cura possa ser comprovada e disponibilizada ao público.

  3. Estou estarrecida com o impedimento dessas máfias de farmacia e do cãncer . Poxa isso que eu não entendo porque eles não querem a cura dos pacientes? po, que canalhice são essas? to muito triste e aborrecida com uma riqueza dessa magnitude que voceis descobriram dando alivio aos pacientes e as familias que sofrem juntos, ser desperdiçadas por ganãncia de dinheiro onde eles pensam que vão estar quando Deus vir julgar essemundo? pois tenho uma irmã com metastasi cãncer ja foi pra medula ossea e ta la morrendoaos poucos queria tanto ter acesso a esse medicamento para cura dela por favor nos ajude a onseguir Deus vai compensar toda a equipe que salvar essas vidas.

    • Olá, Lúcia, acredito que você pode tentar contato com a USP de São Carlos e pedir mais informações.
      Abraços,
      Carla

    • Caro Luis Claudio, eu não tenho o contato dos profissionais responsáveis. Tente falar com o Instituto de Química da USP de São Carlos ou procurar por grupos de discussão sobre a Fosfoetanolamina Sintética no Facebook ou mesmo no Google. Lá poderão orientar você sobre como proceder para conseguir o medicamento.
      Abraços,
      Carla

  4. É necessário uma requisição médica, para entrar com uma liminar na justiça. A liberação judicial é muito rápida, pois é direito de todos que precisam. Existe lei para isso. Pelo menos foi o que entendi com relação as buscas que fiz em vários sites. Temos que agir, porque esperar não adianta, quem tem o controle do medicamento, infelizmente não pensa na cura, mas em vender, em ganhar dinheiro em cima da desgraça dos outros. INDIGNADA!!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s